© por Instituto Noa. Todos os direitos reservados.

Acesse, curta e compartilhe

Instituto Noa

Whats: (15)  99129-4846

contato@institutonoa.org.br

Al. Santos, 1165 - São Paulo - SP

Certificado Selo Social 2015
  • Black Facebook Icon
  • Black Twitter Icon
  • Black YouTube Icon
  • Instagram

Bauru terá Feira de Troca de Brinquedos na Praça Copaíba

Ao invés de comprar, trocar. É essa a proposta da Feira de Trocas de Brinquedos que acontecerá no próximo dia 8 de outubro, em Bauru, na Praça Copaíba (Jardim Estoril). Incentivado pelo Instituto Noa, que coordena o programa Escolas do Bem, o evento faz parte de um movimento nacional que visa promover uma sensibilização sobre as práticas de consumo.

 

A Feira é aberta a toda comunidade e promete ser um grande sucesso. Além do convite aos alunos de toda a rede pública e privada, os organizadores estão fazendo uma grande campanha de comunicação para sensibilizar pais e alunos de toda a cidade para que participem, levando os brinquedos que estejam em boas condições de uso para serem aproveitados por outras crianças.

 

Além de ser uma atividade divertida, a feira de troca possibilita entrosamento e socialização entre os pequenos. Muito mais do que trocar brinquedos que já não interessam como antes, a experiência é enriquecedora por dar novos significados a objetos antigos e afirmar que as relações não precisam ser pautadas apenas na compra.

 

“Os pais podem incentivar seus filhos a participar, promovendo uma nova experiência nessa data. Ao acompanharem a criança no evento, é importante que orientem que a troca deve ser realizada sem levar em conta o valor que foi pago no brinquedo que será trocado. A criança não se importa em trocar bolinhas de gude por um Banco Imobiliário, por exemplo”, comenta a jornalista Lucy De Miguel, presidente do Instituto Noa, que coordena o programa Escolas do Bem.

 

A Feira tem o apoio da Prefeitura Municipal e será organizada pela Escola Pato Encantado, que é a primeira Escola do Bem de Bauru e região. Para a diretora Letycia Christofoli de Souza, “é de suma importância esse trabalho colaborativo pelo alcance dos objetivos da ONU, para construção de um futuro consciente, respeitoso e afetivo”.

 

 

Please reload