Escola Green Kids pede ajuda da população para conseguir uma cadeira de rodas


Os alunos chegam entusiasmados com as garrafas cheias de lacres. Escola fomenta habilidades como responsabilidade, empatia e respeito ao próximo, além de cuidar do meio ambiente.

Escola infantil da Vila Leopoldina (SP), precisa de 60 garrafas pet cheias de lacres de alumínio para trocar por cadeira de rodas


Ser uma “Escola do Bem” é promover ações sociais e ambientais, mobilizando a sociedade em prol do alcance dos Objetivos de Desenvolvimento da ONU. Não é preciso fazer grandes projetos, pois a soma de pequenos gestos já contribui para transformar a realidade. É justamente esse o mote da campanha do Lacre Solidário, que convida as pessoas a juntarem lacres de alumínio em garrafas pet de 2 litros. A cada 140 garrafas completamente preenchidas, uma cadeira de rodas para adultos é doada. A iniciativa do Instituto Noa -- entidade que coordena o Programa Escolas do Bem -- incentiva a arrecadação nas escolas para que as crianças, desde pequenas, aprendam e compreendam como podem fazer a diferença na vida de alguém. No bairro da Vila Leopoldina, em São Paulo, duas escolas que fazem parte deste programa são pontos de coleta: a Green Kids School e a EMEI Dona Leopoldina. A diretora da Greenkids, Maria Pizzi, não esconde o seu entusiasmo com a receptividade da população. “Seguimos empenhados para atingir a meta. Graças ao engajamento de toda a comunidade, já arrecadamos 80 garrafas. Mas pedimos para que as pessoas continuem fazendo a sua parte para conquistarmos as 60 que faltam”, apela. A entidade ou pessoa a ser beneficiada será escolhida posteriormente. Se você quiser colaborar para melhorar a qualidade de vida de uma pessoa com deficiência, entregue os lacres nos seguintes endereços: • Greenkids School -- Rua Nanuque, 363 - VIla Leopoldina. Fone: (11) 2877-7660 • EMEI Dona Leopoldina -- R. Peribebui, 251 - Alto da Lapa, Fone: (11) 3648-0142 Da escola para a comunidade A Campanha do Lacre Solidário é um exemplo prático dos princípios que norteiam os projetos realizados pelas Escolas do Bem. As ações começam na escola, mas trazem impacto positivo para toda a comunidade. Fundadora do Instituto Noa -- organização sem fins lucrativos que coordena o Programa Escolas do Bem -- a jornalista Lucy de Miguel conta que, além dos projetos pilares, as instituições são encorajadas a desenvolver ações autônomas. A principal orientação é para que todos estejam alinhados aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, propostos pela ONU, que possam impactar sobre o desenvolvimento infantil. São eles: Melhoria da Nutrição, Saúde e Educação de Qualidade, Redução das Desigualdades, Consumo Responsável, Cultura da Paz e Parceria pelas Metas. Visando potencializar ainda mais o alcance dessas ações, o Programa Escolas do Bem possui um aplicativo, que pode ser baixado gratuitamente por qualquer pessoa. Ao encontro do compromisso de ampliar o conhecimento dos adultos sobre a Primeira Infância (que vai de zero a seis anos), a ferramenta online traz notícias sobre Saúde, Alimentação, Comportamento e Gravidez, entre outros temas. Baixe grátis, buscando no Google Play “Escolas do Bem - Revista OnlineSobre o Programa Escolas do Bem Coordenado pelo Instituto Noa, o Programa Escolas do Bem nasceu com a missão de ampliar o conhecimento dos adultos sobre o período conhecido como Primeira Infância, que vai de 0 aos 6 anos. Em pouco mais de quatro anos, essa iniciativa pioneira de responsabilidade social nas escolas, já certificou, em parceria com o poder público, mais de 130 escolas públicas e privadas. O projeto, que nasceu no interior de São Paulo, já se expandiu para a capital paulista, além da cidade mineira de Itabira. Agora, chega também ao Rio de Janeiro. Ao longo de todo o ciclo de participação, as instituições que abraçam o Programa Escolas do Bem desenvolvem várias ações, que começam no ambiente escolar, mas também se expandem do portão para fora. Na prática, isso permitiu que mais de 25 mil famílias fossem diretamente beneficiadas. Todas as atividades são norteadas pelos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU, relacionados ao desenvolvimento infantil. Às iniciativas já consolidadas, como a Campanha do Lacre Solidário ou a Feira de Troca de Brinquedos, juntam-se outras, como a Semana Mundial do Brincar. Para mais informações, visite o site: www.escolasdobem.com.br Fotos: Divulgação Instituto Noa/Green Kids School

Acesse, curta e compartilhe

Instituto Noa

Whats: (15)  99129-4846

contato@institutonoa.org.br

Al. Santos, 1165 - São Paulo - SP

Certificado Selo Social 2015
  • Black Facebook Icon
  • Black Twitter Icon
  • Black YouTube Icon
  • Instagram

© por Instituto Noa. Todos os direitos reservados.